LEONARDO DA VINCI


Homem vitruviano Da vinci

O filho ilegítimo de um notário de 25 anos de idade, Sir Piero da Vinci, e uma camponesa chamada, Catarina, Leonardo nasceu a 15 de Abril de 1452, em Vinci, na Itália, nos arredores de Florença.

O seu pai adquiriu a custódia do menino logo após o seu nascimento, quando a sua mãe se casou com outro alguém e se mudou para uma cidade vizinha.

Os seus pais continuaram a ter filhos, embora não um com o outro, e  acabaram por  lhe fornecer um total de 17 meias-irmãs e irmãos …

Crescendo na casa de seu pai, Leonardo cedo teve acesso a textos académicos, propriedade da família e amigos.

Ele também foi exposto a tradição da pintura de longa data dos Da Vinci, e quando ele tinha uns 15, o pai colocou-o na oficina de renome de Andrea del Verrochio, em Florença.

Mesmo na condição de aprendiz, Leonardo demonstrou o seu talento colossal. Na verdade, o seu génio parece ter vazado em inúmeras peças produzidas pela oficina de Verrocchio a partir do período de 1470-1475.

Por exemplo, um dos primeiros grandes trabalhos de Leonardo era pintar um anjo em, Verrochio o “Baptismo de Cristo”, e Leonardo foi muito melhor do que seu mestre Verrochio que ao ver o trabalho exclamou, meu Deus há alguém que pinta melhor que eu, aparentemente a partir dessa data Verrochio nunca mais voltou a pintar novamente, dedicando-se exclusivamente á escultura.

Leonardo esteve no atelier de Verrocchio até 1477, quando decidiu montar o seu próprio atelier.

Em busca de novos desafios e quantias chorudas, Leonardo da Vinci mudou-se para Milão, e entrou ao serviço do duque de Milão, em 1482, abandonando a sua primeira Obra artística remunerada em Florença, “A Adoração dos Magos”. Ele passou 17 anos em Milão, deixando Milão, apenas após a queda do duque Ludovico Sforza do poder em 1499. Foi durante estes anos que Leonardo logrou, alcançar novos patamares de realização científica e artística.

O duque manteve ocupado Leonardo na pintura, escultura e desenho, na projecção de elaborados festivais da corte, mas também colocou Leonardo a projectar armas, edifícios e máquinas.

De 1485 até 1490, Leonardo produziu um estudo sobre a carga de disciplinas, incluindo a natureza, máquinas voadoras, geometria, mecânica, construção municipal, canais e arquitectura (desenho de tudo, desde as igrejas a fortalezas).

Os seus estudos desse período contêm desenhos de armas avançadas, incluindo um tanque de guerra e outros veículos, dispositivos de combate diversos, e submarinos.

Também durante este período, Leonardo produziu os seus primeiros estudos anatómicos. A sua oficina de Milão era um verdadeiro frenesim de actividade, zunindo com os aprendizes e estudantes.

Infelizmente, os interesses de Leonardo eram tão vastos, que ele foi muitas vezes impelido  para novos temas, o que geralmente fazia com que não conseguisse terminar alguns trabalhos. Esta falta de rigor resultou na  conclusão apenas de cerca de seis obras nestes 17 anos, incluindo “A Última Ceia” e “O Virgem das Rochas”, e deixou dezenas de obras e projectos inacabados ou por realizar. Ele passou a maior parte do seu tempo a estudar a ciência, quer na natureza a observar as coisas, ou fechando no seu atelier afastado da corte pensando verdades universais.

Entre 1490 e 1495 ele desenvolveu o hábito de gravar os seus estudos em cadernos meticulosamente ilustrado. O seu trabalho abrangeu quatro temas principais: a pintura, a arquitectura, os elementos da mecânica e anatomia humana. Estes estudos e esboços foram colectados em vários códices e manuscritos, que agora são coleccionados por museus e particulares (Bill Gates recentemente pagou cerca de $ 30 milhões pelo Codex Leicester!).

De volta a Milão … após a invasão dos franceses e a queda de Ludovico Sforza do poder em 1499, Leonardo foi obrigado… a procurar um novo patrono. Durante os próximos 16 anos, Leonardo trabalhou e viajou por toda a Itália por uma série de entidades patronais, incluindo os vilões Cesare Borgia.

Ele viajou durante um ano com o exército de Bórgia como engenheiro militar e até conheceu Niccolo Machiavelli, autor de “O Príncipe”. Leonardo projectou também uma ponte para a extensão do chifre de ouro “em Constantinopla durante este período e recebeu uma encomenda, com a ajuda de Maquiavel, para pintar a” Batalha de Anghiari “.

Por volta 1503, Leonardo começou a trabalhar segundo as informações recebidas na pintura a “Mona Lisa”. A 9 de Julho de 1504, recebeu a notícia da morte de seu pai, Sir Piero. Através dos artifícios e  intromissão dos seus meios irmãos e irmãs, Leonardo viu-se privado de qualquer herança.

A morte de um tio querido também resultou numa uma briga sobre a herança, mas desta vez Leonardo levou a melhor sobre as intrigas dos seus irmãos e acabou por herdar as terras e o dinheiro do tio.

De 1513 a 1516, trabalhou em Roma, na manutenção de uma oficina a realizar uma variedade de projectos para o Papa. Continuando os seus estudos de anatomia e fisiologia humana, mas o Papa proibiu-o de dissecar cadáveres.

Após a morte do seu patrono Giuliano de Médici, em Março de 1516, foi lhe oferecido o título de Premier pintor, engenheiro e arquitecto do rei Francisco I de França.  Talvez o seu último e mais generoso patrono, Francisco I, concedeu a Leonardo um trabalho confortável, incluindo uma mansão perto do palácio real de Amboise.

Apesar de sofrer de uma paralisia da mão direita, Leonardo ainda foi capaz de desenhar e ensinar. Ele realizou estudos sobre a Virgem Maria em “A Virgem e o Menino com Santa Ana”, realizou estudos sobre a anatomia de gatos, cavalos, e o dragão, St. George, sobre a natureza da água, os desenhos do Dilúvio, e de várias máquinas .

Leonardo morreu em 2 de maio de 1519 em Cloux, França. Diz a lenda que o rei Francisco estava ao seu lado quando ele morreu, apoiando a cabeça de Leonardo nos seus braços.

LEONARDO O HOMEM DA RENASCENÇA

leonardo-da-vinci-portrait

Além de ser apenas  a pessoa mais inteligente de sempre, Leonardo é relatado por ter sido um homem extraordinariamente belo, com grande força e uma voz fina. E ao contrário de seus colegas italianos do século 15, ele era vegetariano e seguiu estritamente as regras da dieta. Na verdade, ele amava tanto os animais que ele costumava comprar animais enjaulados no mercado apenas para libertá-los.

LEONARDO O CANHOTO

Numa época em que ser canhoto era considerado obra do diabo e os canhotos eram frequentemente forçados a usar a mão direita, Leonardo era canhoto impenitente. Tem sido sugerido que essa diferença “foi um elemento do seu génio, dado que o seu desprendimento lhe permitia ver para além do normal. Ele escrevia da direita para a esquerda, os seus escritos são facilmente decifrados apenas com um espelho.

O ESCUDO ASSUSTADOR

Diz a lenda que Leonardo jovem foi convidado pelo pai a pintar um escudo redondo. Como muitos adolescentes, ele pensou que seria interessante pintar uma cabeça realmente assustadora, ele trouxe todos os tipos de vermes – lagartos, morcegos, larvas, etc – e pintou um monstro nojento exalar fumo e gás tóxico. Ele estava tão absorto na sua pintura, que ele não percebeu que os seus espécimes tinham começado a apodrecer, e quando ele finalmente permitiu que o seu pai visse a pintura o homem ficou tão assustado com seu realismo que se apercebeu que o seu filho só poderia ser um artista.

O GRANDE CAVALO

O Grande cavalo

Vinte e três metros de altura e pesando quase 80 toneladas, uma escultura gigantesca em bronze do falecido Duque de Milão, a cavalo provou ser muito desafiadora, mesmo para Leonardo. Leonardo foi contratado para fazer apenas uma estátua em tamanho real, que já era uma tarefa difícil, mas o seu empregador, Ludovico Sforza, em seguida, decidiu que a homenagem a seu pai deve ser quatro vezes maior. Durante anos, Leonardo estudou o movimento dos cavalos, fazendo inúmeros esboços,  ele desenvolveu técnicas de fundição. Infelizmente, na altura os franceses invadiram Milão e depuseram o Duque, Leonardo tinha conseguido apenas fazer um modelo em argila de 22 pés, que os soldados franceses utilizaram para a prática de tiro ao alvo.

    • Cubanita
    • 11 de Abril, 2010

    não sei não, mas tu não te terás enganado supostamente na profissão??

    Eu é que devia ter, ou melhor, depositar mais uns minutos para este tipo de coisas….

    codigo da vinci……

    As verdades do Vaticano?? Cultura oriental… psicologia,psicossociologia ou psicoanalise seriam uns temas bastante interessantes, que me dizes my friend??

    bem, no fim de contas só não queria fazer-te uma visita em branco ;P

    bisou-bisou

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: