A ESCÓLA DO PARAÍSO


Nesta obra, o autor, José Rodrigues Miguéis traça a evolução de uma família Lisboeta durante a maior parte do século XX. Parte dessa gente obscura que a capital atrai a si, para a formar, absorver, desagregar, e dissolver, por fim, no anonimato original: dela guardando, acaso, rasto de ternura, revolta e esperança – a dos que à vida respondem com actos de vida, procurando a salvação na labuta, no sonho, e eventualmente nos ideais.

Através dos olhos atentos e pasmos de uma criança, é-nos dado um ambiente e uma época – os anos que imediatamente precederam e seguiram a implantação da República. Justapõe-se na paisagem assim descrita a lenda e a verdade, a fantasia e o senso comum, dramas da rua e folclore, alegrias e desilusões, bondade e sordidez – tudo o que constitui o aprendizado chocante e sedutor graças ao qual Gabriel, o pequeno protagonista, irá integrando a sua limitada esfera pessoal de criança no vasto mundo adulto que o rodeia, universo bizarro e muitas vezes incompreensível que, ao mesmo tempo, o fascina e amedronta.

Inventário prodigioso de uma época, devassa, apaixonada de uma cidade e dos seus habitantes.

Leitura que recomendo, ás gerações mais jovens para interiorizarem o profundo enraizamento da realidade humana nacional á época dos nossos avôs e Bisavôs.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: